As universidades estão a adaptar-se às novas formas de ensino e também sabem que nem todas as pessoas podem frequentar os cursos presencialmente. Como resultado disso, a maioria das universidades nos Estados Unidos já oferecem cursos à distância que permitem que os estudantes, em qualquer parte do país, possam ter acesso à informação e até tirar um curso superior on-line.

Os custos da educação universitária não estão ao alcance de muitas pessoas, além da motivação e acessibilidades para quem vive longe dos centros urbanos. São muitas as barreiras que impedem mais jovens de frequentar cursos universitários.

O ensino à distância permite ultrapassar a maioria desses obstáculos oferecendo cursos on-line em vários temas universitários. Assim podem ter acesso à informação e continuar a viver normalmente as suas vidas.

Aprender on-line é também uma nova forma de encarar a educação para os adultos já empregados, porque podem estudar à noite no conforto do lar e passar algum tempo com a família enquanto estudam, ao invés de terem de chegar a altas horas a casa para não passar tempo algum com os seus filhos.

Aprender on-line está a trazer uma democratização da educação ao mais alto nível, o que permite melhorar a vida a muito mais pessoas do que aquelas que a educação tradicional permite. Além disso, estes cursos estão a ficar cada vez mais reputados e, daqui a pouco tempo, será mais importante ter um curso on-line de uma universidade de topo do que um curso superior de uma universidade tradicional mediana.

Além dos estudos universitários, existem os outros cursos à distância que se modernizaram e começaram a utilizar a Internet como meio de divulgação e suporte para os estudos, em vez de receber a informação pelo correio como antigamente. Nestes casos aprender on-line já é uma realidade há muitos anos. Veja por exemplo o caso de aprender inglês à distância.