Comece por aprender como fazer pesquisa através de motores de busca, depois poderá refinar as pesquisas e tornar-se um utilizador mais poderoso.

Depois de fazer uma pesquisa, é devolvida uma lista de sites que contêm a informação que pretende e organizados de uma forma que o motor de busca acha mais indicada para satisfazer as suas necessidades.

Normalmente funciona da seguinte forma:

  • As páginas mais relevantes no tópico aparecem nas primeiras posições.
  • Aparece um resumo de texto nas proximidades das palavras que pesquisou para decidir se vale a pena seguir o link.
  • Existe uma caixa de pesquisa para poder pesquisar dentro dos resultados.

Como fazer uma pesquisa mais eficaz

Se nunca fez pesquisas com em motores de busca, provavelmente irá receber muita informação desnecessárias das primeiras vezes. Depois irá aprendendo como funcionam estas ferramentas e conseguirá encontrar o que deseja mais rapidamente.

Aqui ficam algumas formas de refinar pesquisas:

  • Usar mais palavras, se recebeu muitos resultados. Em vez de procurar ‘dinheiro’, procure ‘ganhar dinheiro na Internet’.
  • Usar menos palavras se recebeu poucos resultados.
  • Se colocar uma frase entre aspas, será procurada a frase pela ordem que colocou.
  • Utilize as opções de pesquisa que permitem filtrar resultados por país ou língua. Por exemplo, Brasil ou Portugal, ou então escolher artigos em português, independentemente da sua origem física.
  • Use operadores ‘booleanos’ como o ‘e’ e ‘ou’ para forçar pesquisas de certas palavras.
  • Use o operador ‘+’ para obrigar a uma palavra e o ‘-‘ para excluir palavras.

Pelo domínio dos sites devolvidos consegue saber de que país é que o artigo é originário. Se for um site que acabem em ‘.pt’, significa que é um domínio de Portugal, se for do tipo ‘.com.br’ é um domínio brasileiro. No entanto, existem domínios genéricos que não deixam fazer essa identificação pelo nome, por exemplo os ‘.com’ ou ‘.info’.

Aprender como fazer pesquisas na Internet pode levar algum tempo, até existem livros só para explicar como funcionam, mas com alguma prática consegue dominar o suficiente para encontrar a informação que procura (se existir).